LUTA DE 15 ANOS PELO FGTS DA CÂMARA DE ARAPIRACA AVANÇA PARA O DESFECHO FINAL

Assembleia debate os detalhes da liberação do FGTS
José Vitor, advogado da ASCAMA, explica os caminhos do processo à assembleia

Presidente Ana Cristina despachando com os servidores

Talvez seja agora ou daqui a um mês, mas a verdade é que a luta dos servidores da Câmara Municipal de Arapiraca, pela conquista dos recursos do seu Fundo de Garantia Por Tempo de Serviço -FGTS, começa a dar sinais de vitória ao avançar para o desfecho final em mais uma assembleia convocada pela Associação dos Servidores da Câmara Municipal de Arapiraca - ASCAMA, às 10 horas de hoje (12.05.17), no plenário do Legislativo. A reunião foi presidida por Ana Cristina Albuquerque e contou com a presença da maioria dos servidores. Os novos resultados do processo relativo ao FGTS foram conhecidos com a presença do advogado José Vitor de Castro Costa  Neto, contratado com mais dois profissionais da área para defender a categoria no processo que se arrasta há 15 anos na Caixa Econômica Federal. José Vitor de Castro explicou que não existe prazo para a liberação de saques do dinheiro dos funcionários que venha a ser disponibilizado,porque os advogados vão ainda trabalhar nos contatos junto à CEF para acompanhar os valores disponíveis e contabilizar os montantes individuais dos donos das contas. O advogado orientou a diretoria da ASCAMA a exigir de cada servidor uma autorização assinada pelo próprio, concedendo permissão para ser representado juridicamente na CEF durante o andamento do processo que venha a beneficiar aos servidores na concessão dos saques do FGTS. O funcionalismo do Poder Legislativo vê com certa chance a possibilidade de a grana vir a sair dentro de pouco tempo com o avanço das negociações e a participação dos advogados. A tesoureira da ASCAMA, Rosiene Batista, distribuiu aos presentes as folhas para os funcionários assinarem autorizando os advogados a representá-los e que deverão ser usadas conforme as instruções. Os servidores cumpriram as determinações e esperam nova data para a próxima assembleia. Quem não assinou as autorizações com números de CPF, RG, endereço e data de nascimento terá que comparecer à Câmara para não ser prejudicado, segundo a presidente da ASCAMA, Ana Cristina Albuquerque. A maioria dos servidores está ansiosa à espera da liberação do dinheiro do FGTS em razão das dificuldades que atingem as famílias e toda a comunidade de um modo geral.

André Luis, vice-presidente da ASCAMA, prestando esclarecimentos aos funcionários


FÁTIMA, 100 ANOS DE PERSEVERANÇA NA FÉ


Imagem relacionada

A história de Nossa Senhora de Fátima se confunde com a história dos três pastores. A força redentora de Deus manifesta-se na simplicidade da história dos pobres como convite à intimidade com Ele (oração) e ao compromisso de fé (conversão). Um olhar de fé leva-nos a crer que por mais complexos que sejam os problemas humanos e por mais distantes que estejamos de Deus, Ele continua nos amando. O convite à conversão não se volta principalmente a Deus, mas à própria humanidade, que ao fazer-se próxima dele reencontra o caminho da justiça e da paz. Por isso, passados 100 anos das aparições, a mensagem de Fátima continua como convite à perseverança na fé em Cristo Redentor.
                   
Pe. Marcelo Araújo, C.Ss.R.

                         
ISABEL OU ZUMBI?


Resultado de imagem para princesa isabel e zumbi dos palmaresAo se comemorar o 13 de maio como o Dia da Abolição da Escravatura, lembrava-se a assinatura da Lei Áurea, sancionada pela Princesa Isabel, que substituía seu pai, D.Pedro II. A partir da segunda metade do século XIX, porém, os movimentos negros começaram a fazer uma nova leitura da nossa história, concluindo que a Abolição, quando a escravidão negra já estava em declínio, não foi um ato tão libertador assim, inclusive porque não tratou da sobrevivência digna dos ex-escravos, "livres do açoite da senzala, presos na miséria da favela", como cantou a escola de samba Mangueira, em 1988.
Hoje, celebra-se muito mais o 20 de novembro, em que teria morrido Zumbi dos Palmares, líder de um quilombo no século XVII que resistiu por quase 100 anos.

                           
Chico Alencar
Autor de BR-500: Um Guia para a Redescoberta do Brasil,
Ed. Vozes/RJ

DIA NACIONAL DA CAATINGA EM ALAGOAS

Imagem relacionada
Canal do Sertão visto dos Morros do Craunã e do Padre, em Água Branca


O Instituto do Meio Ambiente (IMA-AL) preparou uma agenda especial para o Dia Nacional da Caatinga, com palestras, cinema educativo e uma trilha. As atividades, que foram realizadas na sede da Associação de Moradores do Povoado Tingui, em Água Branca (AL), iniciaram no dia 26 e encerram hoje, 28 de abril, data oficial escolhida para homenagear o bioma.

Nesta sexta-feira (28), haverá uma trilha no Refúgio da Vida Silvestre dos Morros do Craunã e do Padre, Unidade de Conservação (UC) localizada no município de Água Branca. Estudantes da Universidade Federal de Alagoas (Ufal) e moradores do entorno devem subir a trilha para chegar ao alto do morro que possui pouco mais de 620 metros de altitude. O intuito da trilha é apresentar as riquezas do local.
Caatinga
O bioma caatinga é o único totalmente brasileiro, ocupando cerca de 10% do território nacional e englobando parte dos municípios da Paraíba, Piauí, Ceará, Rio Grande do Norte, Maranhão, Pernambuco, Alagoas, Sergipe, Bahia e Minas Gerais. Do total, pelo menos 70% já teve a interferência do homem e apenas 0,28% se encontra protegido em Unidades de Conservação.
Em Alagoas, há 1% protegido nos espaços legalmente definidos de proteção: um Refúgio da Vida Silvestre, três Reservas Particulares do Patrimônio Natural e mais o Monumento Natural dos Cânions do São Francisco – criado em âmbito federal e que engloba parte do estado. Está em fase de estudos a criação de pelo menos mais três Unidades na região do sertão alagoano.


ASSEMBLEIA DOS SERVIDORES DA CÂMARA DE ARAPIRACA CONFIRMA AUMENTO DE 12% PARA A CATEGORIA

Ana Cristina , presidente da ASCAMA
A Associação dos Servidores da Câmara Municipal de Arapiraca - Ascama, reuniu seus filiados na manhã desta quinta-feira (27), no plenário do Poder Legislativo, para confirmar que foi de 12% o aumento salarial da categoria, com data base a partir de 1 de maio/17. O reajuste concedido aos servidores pela presidente da casa, professora Graça, que embora não atenda as reivindicações da classe, que brigou por 25%, para cobrir as perdas do ano passado, por força da Lei de Responsabilidade Fiscal, foi uma boa conquista para o funcionalismo, de acordo com a presidente da Ascama, Cristina Albuquerque. O vice-presidente da entidade dos servidores da Câmara, André Luiz, convocou os presentes para a greve geral desta sexta-feira (28), em Arapiraca, afirmando que o movimento nacional exige a participação de todos.

FUNDO DE GARANTIA

Ana Cristina Albuquerque e André Luiz anunciaram também que o dinheiro do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço - FGTS, dos servidores da Câmara detido na Caixa Econômica, ha vários anos, por falta de interesse dos presidentes anteriores da casa, agora poderá ser liberado nos próximos meses porque a vereadora Graça assinou acordo com a Caixa que dá direito aos servidores nativos e inativos a receberem seus rendimentos do FGTS. A Ascama vai convocar a categoria para nova reunião, brevemente, para anunciar as providências que deverão ser tomadas visando a liberacao do dinheiro. A Ascama pretende convocar advogados para abreviar a solucao do problema, conforme Ana Cristina e André Luiz.

ADMIRADORES E PROFISSIONAIS DE COMUNICAÇÃO COMPARECERAM AO ENTERRO DE JOSÉ CARMO DE SÁ

Bandeira do ASA homenageia o comunicador

Elma Sá, 96 anos...emocionada
...e Tereza Sá, 94 anos, irmãs de J. de Sá




José de Sá
Admiradores do radialista, teatrólogo e artista plástico, José Carmo de Sá, representantes dos órgãos de comunicação social de Arapiraca e de Alagoas se despediram na manhã de hoje do profissional falecido ontem (24/04) vítima de câncer de próstata aos 84 anos. Zé de Sá, como era mais conhecido, foi sepultado às 10h40min. no Cemitério Pio XII, no bairro Baixa Grande. Apesar do calor de 32ºC de começo do outono, o público não se impacientou e rezou pela felicidade da alma do artista arapiraquense que deixou sua marca registrada na enorme folha de serviço prestada à cultura regional, tanto como radialista, quanto no desempenho de diversas atividades da arte cênica - estudo, montagem de peças e apresentações como o "Ato  da Compadecida", "Paixão de Cristo" e outras. Ele se consagrou também como artista plástico, tendo lançado mais de 60 mil  quadros em seus 50 anos de trabalho, cujas obras foram  exibidas para o público em exposições de Arapiraca e Maceió. Cidadão Honorário de Arapiraca, em 2011, homenagem que lhe foi conferida pela Câmara Municipal, Sá trabalhou por mais de vinte anos na Rádio Novo Nordeste AM, mantendo um  público fiel com o seu conhecido  programa "Nos Braços da Saudade", apresentado a partir das 22h30min. Há alguns anos aposentado, o profissional não abandonou o rádio, passando a dividir seu tempo entre Arapiraca e Maceió. Nas horas vagas trabalhava em seu estúdio de gravações na rua Estudante José de Oliveira Leite, no centro, gravando o seu programa de rádio para ganhar tempo. Embora levando uma vida tranquila, sem imaginar que o pior estava por vir, José Carmo de Sá foi acometido inesperadamente da doença de próstata, há poucos meses, iniciando o tratamento no Hospital Regional de Arapiraca, vindo a falecer no Hospital Afra Barbosa, para o qual foi encaminhado em razão da gravidade do seu  estado de saúde. Em suas homenagens ao falecido, as pessoas aplaudiram José de Sá, enaltecendo suas qualidades como um "artista iluminado, respeitado profissional de excepcionais qualidades".
O enterro do radialista recebeu cobertura jornalística das principais emissoras de rádio da cidade, da TV Alagoas (SBT), sites de notícia e das redes sociais. Os radialistas Nelson Filho, José Rocha, Jânio Oliveira (Rádio Novo Nordeste - AM), Alves Correia (Gazeta-FM) e outros, além de donos de portais locais e estaduais, blogs e jornalistas se fizeram presentes, com seus respectivos fotógrafos. Compareceram também os advogados Reginaldo José da Silva e Maristela Rodrigues Cavalcante, ex-deputado Dumuriez Leão, engenheiro Severino Aristides, José de Macedo Ferreira, membro do diretório do PMDB, Prof. José Nascimento, ex-técnico do ASA, Prof. José Bento, além de outras autoridades.

Alves Correia e Nelson Filho: depoimentos históricos    
Radialista José Rocha: homenagem a J.Sá    



A LÍNGUA PORTUGUESA

Resultado de imagem para olavo bilac a lingua portuguesa

Olavo Bilac, poeta parnasiano (1865 - 1918). Autor de Alma Inquieta, Tarde e outras obras.

Última flor do Lácio, inculta e bela,
És, a um tempo, esplendor e sepultura;
Ouro nativo, que na ganga
A bruta mina entre os cascalhos vela...

Amo-te assim, desconhecida e obscura,
Tuba de alto clangor, lira singela,
Que tens o trom e o silvo da procela,
E o arrolo da saudade e da ternura!

Amo o teu viço agreste e o teu aroma
De virgens selvas e de oceano largo!
Amo-te, ó rude e doloroso idioma,

Em que da voz materna ouvi: "meu filho!"
E em que Camões chorou, no exílio amargo,
O gênio sem ventura e o amor sem  brilho!

Certas composições poéticas têm forma fixa, isto é, exigem número certo de versos e de estrofes, com  disposição também certa. Tais como: o soneto, a balada, o vilancete, o triolé, rondó, o pantum e a terzarima. Delas só o soneto é usado  modernamente.
Esta bela poesia - A Língua Portuguesa - é um dos mais perfeitos sonetos brasileiros. É antiquíssima essa forma poética: foi inventada no século XII pelo trovador siciliano, Giácomo da Lentine. Mas os poetas italianos - Dante e principalmente Petrarca - é que o celebrizaram em todo o mundo. Introduziu-o em Portugal o poeta Sá de Miranda. Os maiores sonetistas portugueses foram: Luís de Camões, Bocage e Antero de Quental.
No Brasil tem tido muitos exímios cultores, entre os quais: Olavo Bilac, Alberto de Oliveira, Raimundo Correia, Luís Delfino, Vicente de Carvalho.
Compõe-se o soneto de catorze versos, distribuídos em dois quartetos e dois tercetos. O último verso chama-se chave de ouro (Rocha Lima).

PS. Clangor: som rijo e estridente. 
Ganga: tecido forte azul ou amarelo.
Tuba: instrumento metálico de sopro.
Flor do Lácio: expressão usada para designar a língua portuguesa. Lácio é uma região italiana.



ALEGRIA DA PÁSCOA

Imagem relacionada
Cristo ressuscitou dos mortos, levantai-vos também! Cristo que dormia desperta, acordai-vos também! Cristo sai do túmulo, libertai-vos das correntes do pecado! Pelo Cristo vos tornaste criatura nova: renovai-vos! É a Páscoa do Senhor, é o tempo da Ressurreição, é o começo da verdadeira Vida... Ontem preso à cruz com o Cristo, hoje sou glorificado com Ele. Ontem morrendo com Ele, hoje com Ele volto à vida. Ontem sepultado com Ele, hoje com Ele ressuscito. Cristo que ressuscitou dos mortos me renova também em espírito e me reveste do Homem Novo!
   
                      
São Gregório de Nazianzeno